Produ\xE7\xE3o de conte\xFAdo Multim\xEDdia

Este tutorial ensina como criar e disponibilizar arquivos multim\xEDdia usando seu computador.

\xCDndice

Manipulando Imagens

Para o tratamento fotogr\xE1fico, leia o Manual de Fotografia, que explica coisas como fotografar e tratar suas imagens antes de publicar num site, abrangindo desde a focaliza\xE7\xE3o do evento a ser registrado at\xE9 a edi\xE7\xE3o da fotografia, o que torna esse manual tanto de fotografia quanto de fotojornalismo.

\xC1udio

Princ\xEDpios de \xE1udio anal\xF3gico e digital

Antes de come\xE7ar a lidar com \xE1udio no seu computador, \xE9 interessante conhecer os princ\xEDpios da digitaliza\xE7\xE3o. Para isso, recomendamos a leitura da se\xE7\xE3o Refer\xEAncia r\xE1pida sobre \xE1udio digital do nosso Manual de Webradio.

Usando um walkman

Usando um MD

Microfones

Usando o Audacity

Gravando entrevistas via telefone

Uma das ferramentas mais importantes para trabalhar com \xE1udio no CMI \xE9 a grava\xE7\xE3o de entrevistas telef\xF4nicas. Normalmente, utiliza-se um adaptador que converte a entrada de telefone para uma entrada compat\xEDvel com a da placa de som do computador. A qualidade de som utilizando este dispositivo \xE9 muito boa, mas um adaptador de boa qualidade pode ser caro. A sa\xEDda mais barata com uma qualidade razo\xE1vel \xE9 utilizar a placa de modem e um bom programa de grava\xE7\xE3o.

Gravando \xE1udio do telefone

H\xE1 v\xE1rios programas que se prop\xF5em a gravar chamadas telef\xF4nicas a partir da entrada de modem, mas poucos conseguem um resultado com qualidade satisfat\xF3ria. Para este tutorial, estou usando como refer\xEAncia o programa TRx que \xE9 um programa shareware da NCH Swift Sound que pode ser baixado gratuitamente na internet pelo link: <http://www.nch.com.au/trx/index.html> H\xE1 outros programas dispon\xEDveis, mas entre os que testei, este \xE9 o que mant\xE9m a melhor qualidade de grava\xE7\xE3o (outros programas "metalizam" a voz).

O programa funciona em qualquer computador Pentium 100+ e com Windows 95/98/Me/2000/XP. Voc\xEA vai precisar de uma placa de modem acoplada na linha telef\xF4nica.

Depois de baixar o programa, rode o arquivo .exe que vai instal\xE1-lo. Uma vez instalado, fa\xE7a os seguintes ajustes antes de executar o programa. Em "Meu computador" entre em "Painel de Controle" e depois em "Modem"; clique em "Propriedades", depois em "Conex\xE3o" e desmarque a caixa "Aguardar o sinal antes de discar". Pronto. O programa est\xE1 pronto para o uso.

Certifique-se que o seu modem est\xE1 conectado \xE0 linha telef\xF4nica. Do seu aparelho, fa\xE7a a liga\xE7\xE3o normalmente. Quando quiser come\xE7ar a gravar, simplesmente pressione "Record" no programa TRx (haver\xE1 uma mensagem avisando que a grava\xE7\xE3o come\xE7ou - voc\xEA pode suspender essa mensagem nos ajustes do programa). Durante a grava\xE7\xE3o, lembre-se que a sua voz vai sair mais forte que a da pessoa com quem voc\xEA est\xE1 falando. Assim, evite durante a grava\xE7\xE3o respirar pr\xF3ximo ao telefone ou falar muito alto ou pr\xF3ximo demais ao bocal. Quando terminar a entrevista, aperte "Record" novamente que o programa para e salva automaticamente a grava\xE7\xE3o.

O arquivo de som gerado \xE9 normalmente gravado em: Arquivos de Programas/ NCH Swift Sound/ TRx/ Recordings. O \xE1udio \xE9 gravado em formato .wav que \xE9 um formato muito extenso. Assim, lembre-se que antes de public\xE1-lo no CMI voc\xEA ter\xE1 que convert\xEA-lo para MP3 (que \xE9 o formato compacto de \xE1udio mais difundido). Mas, em geral, antes de fazer a convers\xE3o, voc\xEA precisar\xE1 editar o \xE1udio (para extrair uma parte da entrevista ou para melhorar a qualidade da grava\xE7\xE3o).

Editando a entrevista

Se voc\xEA for um leigo em \xE1udio como eu, a maioria dos programas de edi\xE7\xE3o v\xE3o parecer muito complexos. Eu busquei mas n\xE3o encontrei um editor de \xE1udio que fosse simples de usar e que fizesse apenas o b\xE1sico como recortar e colar, apagar, filtrar o som, inserir "sil\xEAncios" e aumentar ou diminuir a modula\xE7\xE3o.

Os editores mais difundidos como Cool Edit e Sound Forge s\xE3o propriet\xE1rios e bastante caros. A vers\xE3o demo do Soundforge n\xE3o permite grava\xE7\xE3o, ent\xE3o n\xE3o d\xE1 para usar; a vers\xE3o trial do Cool Edit limita a grava\xE7\xE3o de MP3s a 60s e s\xF3 funciona por 30 dias. Assim, eu recomendo o Goldwave que \xE9 shareware (h\xE1 um editor de \xE1udio livre chamado Audacity, mas ele ainda \xE9 muito inst\xE1vel, na minha opini\xE3o).

Goldwave: http://www.goldwave.com/release.html

Audacity: http://audacity.sourceforge.net/

Apenas uma observa\xE7\xE3o sobre a edi\xE7\xE3o. Lembre-se que a edi\xE7\xE3o de voz \xE9 um instrumento poderoso de manipula\xE7\xE3o. Por meio da edi\xE7\xE3o voc\xEA pode fazer uma pessoa dizer exatamente o oposto do que ela pensa. No CMI nos empenhamos para promover a auto-representa\xE7\xE3o e a auto-express\xE3o justamente para minimizar os efeitos manipuladores e de distor\xE7\xE3o da edi\xE7\xE3o. Assim, a entrevista deve ser o menos conduzida poss\xEDvel e a pessoa deve ter grande liberdade de fala, selecionando o que \xE9 mais relevante e dando o destaque que achar necess\xE1rio aos diferentes temas. Se a edi\xE7\xE3o (al\xE9m dos aspectos "est\xE9ticos" de melhorar a qualidade) for realmente necess\xE1ria (porque h\xE1 limita\xE7\xE3o de espa\xE7o ou porque a mat\xE9ria explora apenas um aspecto do que foi dito) lembre-se sempre de disponibilizar tamb\xE9m a entrevista na \xEDntegra. Fa\xE7a pleno uso das possibilidades da linguagem em hypertexto oferecendo uma vers\xE3o editada e um link para uma vers\xE3o plena onde a parte recortada \xE9 reinserida no seu contexto.

Convertendo para MP3

H\xE1 muitos programas na internet que fazem convers\xE3o de arquivos formato .wav para MP3. Muitos programas comerciais amplamente difundidos como o Music Match Jukebox ou o Audiograbber fazem isso. No entanto, para este tutorial, vou usar como refer\xEAncia o programa dBpowerAMP music que \xE9 software livre e utiliza o codec (padr\xE3o para convers\xE3o) LAME. Este codec \xE9 o mais indicado para convers\xF5es de formato .wav para MP3. Voc\xEA pode baixar o programa aqui: http://www.dbpoweramp.com/dmc.htm

(Para informa\xE7\xF5es sobre codecs, tipos de convers\xE3o, etc. veja o site: http://www.mp3-converter.com)

Uma vez instalado o programa, ele \xE9 muito f\xE1cil de utilizar e o resultado \xE9 muito bom. Assim que o programa abrir ele vai pedir para voc\xEA localizar o \xE1udio que quer converter. Em seguida, aparecer\xE1 uma tela com diversos ajustes sobre a qualidade da convers\xE3o. A variante mais importante \xE9 o "bit rate". Esse valor determina a qualidade e, na mesma propor\xE7\xE3o, a extens\xE3o do arquivo resultante. Quanto melhor a qualidade, mais pesado ser\xE1 o arquivo. Para os fins que utilizamos \xE1udio no CMI (ou seja, normalmente voz para ser escutada no computador ou retransmitida por uma r\xE1dio), um bit rate de 64 ou 80k \xE9 suficiente. Lembre-se: quanto maior o bit rate, maior o arquivo.

Publicando no CMI

Na hora de postar \xE1udio no CMI, lembre-se que a internet de banda larga ainda n\xE3o \xE9 muito difundida no pa\xEDs e arquivos grandes podem ser um tormento para usu\xE1rios utilizando acesso de linha discada. Al\xE9m disso, tenha em mente tamb\xE9m que o programa que gerencia o site do CMI Brasil (o MIR) aceita apenas arquivos at\xE9 10 Mb. Para se ter uma id\xE9ia, uma entrevista com 20 minutos convertida para MP3 a um bit rate de 64k tem mais ou menos 9 Mb.

Uma dica para a publica\xE7\xE3o \xE9 dividir o arquivo em partes menores - cada uma com 5 a 10 minutos de \xE1udio. Se isso n\xE3o for poss\xEDvel, lembre-se que o programa permite arquivos de no m\xE1ximo 10 Mb.

Quaisquer d\xFAvidas, entre em contato com o grupo de trabalho de \xE1udio do CMI em cmi-brasil-audio@lists.indymedia.org ou com o coletivo t\xE9cnico em cmi-brasil-tech@lists.indymedia.org

Boa sorte!

Como passar o \xE1udio pro computador

Primeiro, voc\xEA vai precisar de um cabo P2-P2 (tamb\xE9m conhecido como bananinha-bananinha, \xE9 aquele com a ponta de fone de ouvido nos dois lados) e de um programa de grava\xE7\xE3o e edi\xE7\xE3o de \xE1udio. Recomendamos o Audacity, que \xE9 open source, levinho e f\xE1cil de usar.

Ok, com isso em m\xE3os, o que voc\xEA tem a fazer \xE9 ligar uma ponta do cabo na sa\xEDda de \xE1udio do gravador cassete (geralmente usa-se a sa\xEDda para fones de ouvido mesmo) e a outra ponta na entrada de \xE1udio do computador (line in). Verifique se o \xE1udio do seu computador est\xE1 liberado para grava\xE7\xE3o:

Para Linux:

Para windows:

clique duas vezes no \xEDcone de \xE1udio na bandeja do sistema para abrir o controle de volume. Clique em op\xE7\xF5es >> propriedades e ent\xE3o marque a op\xE7\xE3o "Grava\xE7\xE3o". Abaixo, certifique-se de que o box "Line in" esteja marcado. Agora voc\xEA est\xE1 pronto para gravar.

Para Mac:

Abra o seu programa de edi\xE7\xE3o e deixe preparado para gravar. Quando ele come\xE7ar a contar o tempo, inicie a reprodu\xE7\xE3o da fita. A\xED \xE9 s\xF3 deixar gravando at\xE9 o ponto que voc\xEA quer e depois editar, cortando sil\xEAncios desnecess\xE1rios, partes dispens\xE1veis, etc. Com um pouquinho de pr\xE1tica, voc\xEA vai ver como \xE9 simples utilizar estes programas.

Convertendo o \xE1udio para MP3, Ogg e outros formatos

Disponibilizando seu \xE1udio

No CMI

Em outros lugares

V\xEDdeo

Assistindo v\xEDdeos no Linux

Mplayer! Aplicativo de video para linux!

Mplayer \xE9 o melhor e mais revolucion\xE1rio v\xEDdeo player que existe. Com a ajuda de codecs externos, ele \xE9 capaz de rodar a grande maioria dos formatos de videos conhecidos. E o melhor de tudo, \xE9 open source, sob a licensa GPL. Aqui vai um pequeno passo-a-passo para te ajudar a instal\xE1-lo e configur\xE1-lo.

obs: se voc\xEA usa a distribui\xE7\xE3o Debian, apenas siga estes passos:

1 - adicionei esta linha ao seu /etc/apt/source.list: deb ftp://ftp.nerim.net/debian-marillat unstable main
2 - $apt-get update # atualiza o banco de dados do apt
3 - $apt-get install mplayer # mostra os pacotes dispon\xEDveis, aparecer\xE1 uma lista de pacotes, que conter\xE1 na
extens\xE3o a arquitetura, se voc\xEA n\xE3o sabe qual escolher instale o 'mplayer-386' (apt-get install mplayer-386)

pronto, agora rode o mplayer pelo menu ou $gmplayer , ou ainda se voc\xEA usa gnome alt+F2 e digite gmplayer



Antes de mais nada atente-se \xE0s conven\xE7\xF5es:

o s\xEDmbolo $ indica comando a ser digitado com seu usu\xE1rio comum Exemplo:

$mplayer -vo fbdev2

j\xE1 # indica comando a ser executado como root. Exemplo:

#mcedit /etc/mplayer/config

Requisitos b\xE1sicos:

- Pacote de desenvolvimento glibc (normalmente algo como glibc-dev ou glibc-devel, dependendo da sua distribui\xE7\xE3o)

- Para compilar com suporte a X11, voc\xEA precisa dos pacotes de desenvolvimento do XFree86

- Para o GUI (a "pele" do mplayer em modo gr\xE1fico) voc\xEA precisa dos pacotes de desenvolvimento libpng (no debian estou usando libpng12-dev) e GTK 1.2 (tamb\xE9m no debian uso libgtk1.2-dev)

A menos que seu sistema esteja extremamente enxuto, voc\xEA provavelmente j\xE1 deve ter a bibliotecas acima instaladas.

Algumas placas de video necessitam de drivers especiais para funcionalidades como aceleradores de video 2-D como YUV, portanto consulte http://www.mplayerhq.hu/DOCS/en/video.html

O c\xF3digo-fonte do Mplayer pode ser baixado a partir do endere\xE7o: http://www.mplayerhq.hu/homepage/dload.html

Voc\xEA precisa baixar os codecs separadamente. O pacote "All-in-one package"(extralite) prov\xEA os principais codecs que voc\xEA pode precisar para os principais formatos de videos.

Libavcodec

Libavcodec \xE9 uma cole\xE7\xE3o de codecs provida pelo projeto FFmpeg com suporte at\xE9 o momento a Divx4 e MPEG. Caso baixe a fonte oficial do mplayer, libavcodec j\xE1 vem inclu\xEDdo, exceto se voc\xEA baixar por CVS. Neste caso copie e cole a linha seguinte (sem o #, claro!!) num terminal com o usu\xE1rio root (certifique-se de estar fora dos diret\xF3rios das do mplayer:

#cvs -z9 -d:pserver:anonymous@mplayerhq.hu:/cvsroot/ffmpeg co ffmpeg

Ent\xE3o copie o diret\xF3rio criado 'ffmpeg' para dentro do diret\xF3rio principal da fonte do 'mplayer'.

Codecs

Para rodar Indeo, Quicktime, Realplayer, e outros voc\xEA precisar\xE1 de codecs externos. Windows Media Player funciona, ainda que com alguns bugs, exceto o WMV9 que por hora sem chance...

O diret\xF3rio padr\xE3o para os mesmos \xE9 /usr/local/lib/codecs (se quiser alter\xE1-lo, ter\xE1 que passar a fun\xE7\xE3o ----with-codecsdir=DIR com o comando configure)

Crie o diret\xF3rio padr\xE3o:

#mkdir /usr/local/lib/codecs

Desempacote o pacote de codecs dentro de um dos diretorios padr\xF5es para isso, eu uso /usr/local/src/ :

#cd /usr/local/src/
#tar -xjvf <pacote-de-codecs>.tar.bz2

e copie o conte\xFAdo para o diretorio que vc criou:

#cp /usr/local/src/<novo-diretorio-criado-depois-do-desempacotamento>/* /usr/local/lib/codecs

Configurando mplayer:

Dentro do diret\xF3rio principal das fontes do mplayer execute:

./configure

Se voce usa Debian, \xE9 prefer\xEDvel executar o comando abaixo, que empacotar\xE1 um pacote .deb

fakeroot debian/rules binary

Caso voce queira suporte a GUI execute:

./configure --enable-gui

Para Debian, use:

DEB_BUILD_OPTIONS="--enable-gui" fakeroot debian/rules binary

Para visualizar as op\xE7\xF5es do comando configure execute:

./configure --help

O script configure imprime na tela as op\xE7\xF5es que foram e as que n\xE3o foram habilitadas. Caso o mesmo falhe em detectar algo instalado, de uma olhada no configure.log para descobrir as raz\xF5es. Execute este passo at\xE9 que esteja satisfeito com as op\xE7\xF5es habilitadas.

Compilando

Se voce usa Debian e executou o comando espec\xEDfico para Debian listado acima, pule esta parte. Para iniciar a compila\xE7\xE3o, digite:

make

E ent\xE3o voce pode instalar o mplayer com o comando:

make install

Se estiver com seu usu\xE1rio comum digite:

su -c "make install "

Finalmente!!

Se tudo ocorrer bem, voc\xEA pode rodar o mplayer digitando 'mplayer'.

Se voc\xEA receber a mensagem de erro 'unable to load shared library' ou similar, digite 'ldd .mplayer' para checar quais librarias falharam. Volte ent\xE3o ao passo "Compilando" para concertar o problema.

Instalando fontes

Escolhe a fonte que desejar e baixe pelo endere\xE7o:

http://www.mplayerhq.hu/homepage/dload.html

Desempacote e copie o conte\xFAdo para:

/usr/local/share/mplayer/font/ para habilit\xE1-las a todos os usu\xE1rios

ou

~/.mplayer/font/

para habilitar em um usu\xE1rio especifico apenas.

Instalando GUI (interface gr\xE1fica do mplayer)

Escolha a que mais te agradar em

http://www.mplayerhq.hu/homepage/dload.html

Desempacote e copie o conte\xFAdo para

/usr/local/share/mplayer/Skin/

ou

~/.mplayer/Skin/

Assistindo...

mplayer

ou, com GUI

gmplayer <arquivo de v\xEDdeo>

Veja 'mplayer --help' e 'man mplayer' para todas as op\xE7\xF5es

mplayer -vo help te mostrar\xE1 os drivers de videos dispon\xEDveis. Experimente-os (eg: mplayer -vo xv )

O mesmo vale para som, veja e experimente as op\xE7\xF5es dispon\xEDveis (mplayer -ao help)

D\xFAvidas? Contate os nerds do CMI no endere\xE7o: cmi-brasil-tech@lists.indymedia.org.

Como gravar v\xEDdeo

Princ\xEDpios

Em VHS

Em c\xE2meras digitais

Dicas

Como passar os v\xEDdeos pro computador

Comprimindo v\xEDdeos

V\xEDdeos para publica\xE7\xE3o no site. Usando mencoder

M\xE1ximo de qualidade X Menor tamanho poss\xEDvel

Mencoder \xE9 uma poderosa ferramenta para decodificar v\xEDdeos. Ele \xE9 parte do MPlayer, o v\xEDdeo player capaz de exibir praticamente qualquer formato de v\xEDdeo conhecido. A base de desenvolvimento do MPlayer \xE9 em sistemas GNU/Linux, mas j\xE1 \xE9 poss\xEDvel encontrar bin\xE1rios pr\xE9-compilados para Window$, Mac, BSDs, etc.

Esse meu tutorial foi adaptado a partir da documenta\xE7\xE3o do MPlayer, mais especificamente do encodings-tips.txt.

Objetivo:

Pegar um v\xEDdeo em qualquer formato e transform\xE1-lo em mpeg4 com \xE1udio mp3 e exten\xE7\xE3o .avi

\xC1udio

Para come\xE7ar vamos comprimir o v\xEDdeo-vinheta do CMI.

Eu tenho uma vers\xE3o em CD-ROM deste v\xEDdeo que num primeiro momento a \xFAnica informa\xE7\xE3o que eu tenho sobre ele \xE9 que possui 11Mb.

Primeiro vamos trabalhar com o \xE1udio.

mplayer /cdrom/video1.mov -vo null -ao pcm

Vamos ent\xE3o ter um arquivo chamado audiodump.wav. No meu caso eu quero transform\xE1-lo em .mp3. Para isso eu uso uma ferramenta chamada lame, mas voc\xEA pode usar outra que lhe agrade.

lame audiodump.wav audio-vinheta.mp3

V\xEDdeo

V\xEDdeo bitrate: eu costumo usar em v\xEDdeos para publica\xE7\xE3o na internet 300 kbit/segundo. Esse valor significa que cada minuto de v\xEDdeo ocupar\xE1 2,25 Mbytes.

Precisamos determinar qual a resolu\xE7\xE3o do v\xEDdeo final. Para isso precisamos de alguns dados:

n\xFAmero de frames (
$frames
)
tempo de v\xEDdeo em segundos (
$tempo_v\xEDdeo
)
aspecto do v\xEDdeo (
$aspecto
)
frames por segundo (
$fps
)

Observe no terminal onde extraiu o \xE1udio uma linha como a seguinte:
A:  74,7 V:  74,7 A-V:  0,022 ct:  0,154  1120/1120   7%  0%  2,9% 281 0 0%

O que nos interessa aqui s\xE3o os dois primeiros valores que indicam o tempo total de \xE1udio e v\xEDdeo em segundos (em condi\xE7\xF5es normais eles devem coincidir). E logo mais adiante 1120/1120 indicam o n\xFAmero total de frames das trilhas de \xE1udio e v\xEDdeo.

Quanto a aspecto observe uma linha parecida com esta:
Aspecto do filme \xE9  1,50:1 - pr\xE9-redimensionando para corrigir o aspecto do filme.

Ent\xE3o temos:
$frames = 1120
$tempo_video = 74 segundos
$aspecto = 1.50
$fps = $frames
            ------------------- = 15
            $tempo_video

Vamos usar agora um pequeno script chamado
calcbpp.pl
que est\xE1 no diret\xF3rio
TOOLS
do c\xF3digo fonte do MPlayer. Se voc\xEA n\xE3o tem o c\xF3digo fonte, me mande uma mensagem que eu te envio o script por email.

Os argumentos a serem passados ao script s\xE3o nesta ordem:
a. Resolu\xE7\xE3o original (Se possuir tarjas pretas acima e abaixo \xE9 preciso por resolu\xE7\xE3o sem levar em conta tais tarjas).

b. O aspecto do v\xEDdeo (
$aspecto
)

c. O v\xEDdeo bitrate em kbit/segundo (como eu recomendei, no caso de v\xEDdeos para internet vamos usar o valor de 300 kbit/s)

d. Quantidade de frames por segundo (
$fps
)

Fica ent\xE3o assim:

./calcbpp.pl 360x240 1.50 300 15

A sa\xEDda ser\xE1 algo como:
Prescaled picture: 360x240, AR 1.50
720x480, diff   0, new AR 1.50, AR error 0.00% scale=720:480 bpp: 0.058
704x464, diff   5, new AR 1.52, AR error 1.14% scale=704:464 bpp: 0.061
688x464, diff  -5, new AR 1.48, AR error 1.16% scale=688:464 bpp: 0.063
672x448, diff   0, new AR 1.50, AR error 0.00% scale=672:448 bpp: 0.066
656x432, diff   5, new AR 1.52, AR error 1.22% scale=656:432 bpp: 0.071
640x432, diff  -5, new AR 1.48, AR error 1.25% scale=640:432 bpp: 0.072
624x416, diff   0, new AR 1.50, AR error 0.00% scale=624:416 bpp: 0.077
608x400, diff   5, new AR 1.52, AR error 1.32% scale=608:400 bpp: 0.082
592x400, diff  -5, new AR 1.48, AR error 1.35% scale=592:400 bpp: 0.084
576x384, diff   0, new AR 1.50, AR error 0.00% scale=576:384 bpp: 0.090
560x368, diff   5, new AR 1.52, AR error 1.43% scale=560:368 bpp: 0.097
544x368, diff  -5, new AR 1.48, AR error 1.47% scale=544:368 bpp: 0.100
528x352, diff   0, new AR 1.50, AR error 0.00% scale=528:352 bpp: 0.108
512x336, diff   5, new AR 1.52, AR error 1.56% scale=512:336 bpp: 0.116
496x336, diff  -5, new AR 1.48, AR error 1.61% scale=496:336 bpp: 0.120
480x320, diff   0, new AR 1.50, AR error 0.00% scale=480:320 bpp: 0.130
464x304, diff   5, new AR 1.53, AR error 1.72% scale=464:304 bpp: 0.142
448x304, diff  -5, new AR 1.47, AR error 1.79% scale=448:304 bpp: 0.147
432x288, diff   0, new AR 1.50, AR error 0.00% scale=432:288 bpp: 0.161
416x272, diff   5, new AR 1.53, AR error 1.92% scale=416:272 bpp: 0.177
400x272, diff  -5, new AR 1.47, AR error 2.00% scale=400:272 bpp: 0.184
384x256, diff   0, new AR 1.50, AR error 0.00% scale=384:256 bpp: 0.203
368x240, diff   5, new AR 1.53, AR error 2.17% scale=368:240 bpp: 0.226
352x240, diff  -5, new AR 1.47, AR error 2.27% scale=352:240 bpp: 0.237
336x224, diff   0, new AR 1.50, AR error 0.00% scale=336:224 bpp: 0.266
320x208, diff   5, new AR 1.54, AR error 2.50% scale=320:208 bpp: 0.300

Vamos prestar aten\xE7\xE3o na \xFAltima coluna, bpp (bits por pixel). Siga a tabela abaixo (minha recomenda\xE7\xE3o n\xE3o \xE9 a mesma do documento encoding-tips.txt)

< 0.15: o resultado ser\xE1 horr\xEDvel
< 0.25: voc\xEA poder\xE1 notar alguns blocos mas o resultado ser\xE1 ok.
> 0.25: o resultado ser\xE1 muito bom
> 0.30: escolher valores maiores que 0.30 \xE9 puro desperd\xEDcio. N\xE3o haver\xE1 melhora significativa na qualidade. Escolha bpp menores.

Claro que em alguns casos os valores podem variar. Outros fatores podem vir a contar (a qualidade da grava\xE7\xE3o original, tempo de v\xEDdeo, codecs, etc.).

Vamos escolher o seguinte:

336x224, diff   0, new AR 1.50, AR error 0.00% scale=336:224 bpp: 0.266

Agora basta passar os argumentos para o mencoder usando o m\xE9todo de encodar em 2 passos:

mencoder /cdrom/video1.mov -audiofile audio-vinheta.mp3 -oac copy \
-ovc lavc -lavcopts vcodec=mpeg4:vbitrate=300:mbd=2:vqmin=2:vlelim=-4:\
vcelim=9:lumi_mask=0.05:dark_mask=0.01:vpass=1 -vf scale=336:224 -o \
vinheta.avi

E depois o segundo passo:

mencoder /cdrom/video1.mov -audiofile audio-vinheta.mp3 -oac copy \
-ovc lavc -lavcopts vcodec=mpeg4:vbitrate=300:mbd=2:vqmin=2:vlelim=-4:\
vcelim=9:lumi_mask=0.05:dark_mask=0.01:vpass=2 -vf scale=336:224 -o \
vinheta.avi

E o que significa todos estes argumentos?

-audiofile audio-vinheta.mp3 -- Este argumento introduz o arquivo de \xE1udio no v\xEDdeo.

-oac copy -- Este argumento mant\xE9m o \xE1udio tal como est\xE1 no arquivo audio-vinheta.mp3.

-ovc lavc -lavcopts -- Encoda usando um codec da fam\xEDlia libavcodec.

vcodec=mpeg4 -- Usa o codec mpeg4 (Divx4/5).
vbitrate=300 -- Especifica v\xEDdeo bitrate de 300 kbit/s.
mbd=2 -- Modo de alta qualidade, encoda cada bloco e escolhe o melhor. Modo com a melhor taxa de distor\xE7\xE3o.
vqmin=2 -- M\xEDnimo quantizador por macroblock.
vlelim=-4 -- Coeficiente de elimina\xE7\xE3o de excesso de luminosidade -4 \xE9 o valor recomendado no manual mplayer.
vcelim=9 -- Coeficiente de elimina\xE7\xE3o de excesso de brilho.
lumi_mask=0.05 -- Aproveita bits desperdi\xE7ados em \xE1reas de branco intensivo.
dark_mask=0.01 -- Aproveita bits desperdi\xE7ados em \xE1reas de escurid\xE3o intensiva.
vpass=1 -- N\xFAmero do passo a ser executado ao encodar usando o m\xE9todo dos 2 passos.

-vf scale=336:224 -- Redimensiona a resolu\xE7\xE3o do v\xEDdeo para 336x224 pixels.
-o vinheta.avi -- Nome do arquivo final.

Est\xE1 pronto! O v\xEDdeo final ficou com apenas 4Mb.

Obs: Note que a resolu\xE7\xE3o n\xE3o sofreu grande altera\xE7\xE3o entre o original e o resultante. Isso porque o v\xEDdeo original possu\xEDa uma resolu\xE7\xE3o muito baixa para a quantidade de video bitrate. Por\xE9m n\xE3o adianta encodar com resolu\xE7\xE3o maior que o original, pois o resultado tende a ser sofr\xEDvel. Em casos como este compensa mais tentar produzir um v\xEDdeo comprimido com menos megabytes do que com mais pixels.

Aline
aline arroba riseup.net

Dica: http://sourceforge.net/projects/kmencoder | http://gmencoder.sourceforge.net

Disponibilizando seus v\xEDdeos

No CMI

http://video.indymedia.org/en/

Em outros lugares

http://indytorrents.org/

-- SilvioRhatto - 28 Mar 2004
-- EdinhoFeli - 26 Jul 2004
-- SilvioRhatto - 03 Oct 2004
-- AlineF - 01 Aug 2005
-- SilvioRhatto - 24 Aug 2005
Topic revision: r18 - 13 Sep 2007, AlsteR
This site is powered by FoswikiCopyright © by the contributing authors. All material on this collaboration platform is the property of the contributing authors.
Ideas, requests, problems regarding Foswiki? Send feedback